Prevenção

  1. Os funcionários que lidam diretamente com o imóvel receberam informação e/ou formação especifica sobre:
  2. Protocolo interno relativo ao surto de coronavírus COVID-19 
  3. Como cumprir as precauções básicas de prevenção e controlo de infeção relativamente ao surto de coronavírus COVID-19, incluindo os procedimentos:
  • Higienização das mãos: lavar as mãos frequentemente com água e sabão, durante pelo menos 20 segundos ou usar desinfetante para as mãos que tenha pelo menos 70% de álcool, cobrindo todas as superfícies das mãos e esfregando-as até ficarem secas;  
    • Etiqueta respiratória: tossir ou espirrar para o antebraço fletido ou usar lenço de papel, que depois deve ser imediatamente deitado ao lixo; higienizar as mãos sempre após tossir ou espirrar e depois de se assoar; evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos;  
    • Conduta social: alterar a frequência e a forma de contacto entre os trabalhadores e entre estes e os clientes, evitando (quando possível) o contacto próximo, apertos de mão, beijos, postos de trabalho partilhados, reuniões presenciais e partilha de comida, utensílios, copos e toalhas.   
  • Como cumprir a auto monitorização diária para avaliação da febre – medir a temperatura corporal duas vezes por dia e registar o valor e a hora de medição), verificação de tosse ou dificuldade em respirar 
  • Como cumprir as orientações da Direção Geral de Saúde para limpeza de superfícies e tratamento de roupa nos estabelecimentos.

Informação a todos os Clientes

  1. Está disponibilizada, a todos os clientes, a seguinte informação:
  2. Como cumprir as precauções básicas de prevenção e controlo de infeção relativamente ao surto de coronavírus COVID-19 (Pag.6); 
  3. Qual o protocolo interno relativo ao surto de coronavírus COVID-19 (presente Protocolo).
  4. É enviado por email Informação suplementar ao hospede sobre COVID-19.

O estabelecimento possui:

  1. Equipamento de proteção individual disponível para os clientes mediante solicitação.
  2. Stock de materiais de limpeza de uso único, incluindo toalhetes de limpeza de uso único, desinfetante e álcool a 70º
  3. Dispensador de solução antissética de base alcoólica ou solução à base de álcool
  4. Contentor de resíduos com abertura não manual e saco plástico
  5. Sempre que se verifique um caso suspeito ou confirmado de infeção por COVID-19, o cliente ficará isolado num dos quartos com casa de banho. Serão também disponibilizados pelos gestores, um stock de materiais de limpeza, máscaras cirúrgicas e luvas descartáveis, termómetro, contentor de resíduos autónomo, sacos de resíduos, sacos de recolha de roupa usada, Kit com água e alguns alimentos não perecíveis.
  6. Nas instalações sanitárias é disponibilizado sabão líquido e toalhas para cada hóspede.

Os Gestores Asseguram:

Que de acordo com o protocolo internode limpeza e higienização (Pag. 7), a lavagem e desinfeção da unidade, inclui todas as superfícies utilizadas pelos clientes e onde estes circulam, assim como interruptores de luz, maçanetas e puxadores de armários, garantindo o controlo e a prevenção   de infeções e resistências aos antimicrobianos antes do check-in.

A operação assegura:

  1. Que a Alojoeste seja responsável por acionar os procedimentos em caso de suspeita de infeção (acompanhar a pessoa com sintomas ao espaço de isolamento, prestar-lhe a assistência necessária e contactar o serviço nacional de saúde).
  2. Que, quando aplicável, a Alojoeste dará todo o apoio e acompanhamento a eventuais familiares/acompanhantes do cliente suspeito ou confirmado de infeção por COVID-19.
  3. A descontaminação da área de isolamento sempre que haja casos positivos de   infeção e reforço da limpeza e desinfeção sempre que haja doentes suspeitos de infeção, principalmente nas superfícies frequentemente manuseadas e mais   utilizadas pelo mesmo, conforme indicações da DGS
  4. O armazenamento dos resíduos produzidos pelos doentes suspeitos de infeção em saco de plástico que, após fechado (p. ex. com abraçadeira) deve ser segregado e enviado para operador licenciado para a gestão de resíduos hospitalares com risco biológico.

Como cumprir as precauções básicas de prevenção e controlo de infeção relativamente ao surto de coronavírus COVID-19

Não havendo ainda uma vacina ou tratamento específico para esta doença é crucial ter em conta as 5 medidas de prevenção:

  • distanciamento entre pessoas: manter distância de pelo menos 2 metros
  • utilização de equipamentos de proteção
  • higiene pessoal, nomeadamente a lavagem de mãos e etiqueta respiratória
  • higiene ambiental, como a limpeza e desinfeção
  • manter-se atento aos seus sintomas: caso surjam e sejam sugestivos de COVID-19 (tosse, febre ou dificuldade respiratória) deve optar pelo teletrabalho ou, na sua impossibilidade, abstenção do trabalho

Para utilização das praias tenha em conta o seguinte:

-Deve ser observada a distância física de segurança de 1,5 metros entre cada utente, entre pessoas que não integrem o mesmo grupo, devendo ser afixada sinalética com informação de sensibilização aos utentes para a adoção de boas práticas, entre as quais o distanciamento de segurança a cumprir.

-Podem ser definidos corredores de circulação, paralelos e perpendiculares à linha de costa ou à margem, de acordo com a área disponível e com as condições de cada praia, de modo a desincentivar a circulação aleatória em áreas ocupadas.

-Em qualquer praia, os chapéus de sol dos utentes que se encontrem sozinhos ou em grupo, devem estar afastados, no mínimo, 3 metros dos chapéus de sol de outros utentes que se encontrem sozinhos ou em grupo.

-Nas áreas concessionadas, deve ser assegurado o afastamento de, pelo menos 3 metros entre toldos e entre colmos, contados a partir do seu limite exterior e de 1,5 metros entre os limites das barracas, contados a partir do seu limite exterior.

Protocolo interno de Higienização

PROCEDIMENTOS EM CASO DE SUSPEITA DE INFEÇÃO

No caso de algum hóspede apresentar algum destes sintomas:

  • tosse
  • febre
  • dificuldade em respirar
  1. Contacte-nos imediatamente:
    1. Telefone: +351 910743568 or +351 910657602 (Telefone e WhatsApp) Joana Nabais Coelho
    1. Email: geral@alojoeste.com or guest@alojoeste.com
  • Contacte a linha de saúde 24 para o número 808242424. Este número apenas funciona a partir de um número português. Caso não possua um número português, entre em contacto connosco para que possamos reencaminhar a sua chamada.

No caso de ter que ficar em isolamento, opte pelo quarto que tenha wc privado caso seja o caso, se não utilize o desinfetante disponível no armário do wc em todas as utilizações do wc.

Assim que possível um membro da equipa deslocar-se-á ao local de modo a disponibilizar um stock de materiais de limpeza, máscaras cirúrgicas e luvas descartáveis, termómetro, contentor de resíduos autónomo, sacos de resíduos, sacos de recolha de roupa usada, Kit com água e alguns alimentos não perecíveis.

Um prolongamento da sua estadia poderá ser possível mediante disponibilidade. Os custos deste prolongamento terão que ser suportados pelo hóspede.